Ministro da Educação diz que Brasil está `no fundo do poço` da desigualdade

ANA CARLA BERMÚDEZ - UOL EDUCAÇÃO – 06/08/2018 – SÃO PAULO, SP

O ministro Rossieli Soares da Silva (Educação) disse nesta segunda-feira (6) que a reforma do ensino médio não vai aprofundar as desigualdades já existentes entre as escolas privadas e públicas nem entre as unidades de grandes centros urbanos e de pequenas cidades do país.

`Não existe caminho para o Brasil aumentar a desigualdade [entre as escolas]. Nós temos uma desigualdade que é absurda nesse país`, afirmou o ministro. `Eu tenho convicção de que não tem como, porque a gente está no fundo do poço`.

A fala do ministro aconteceu durante sua participação no 2º Congresso Internacional de Jornalismo de Educação, em São Paulo.

Sancionada por meio de medida provisória em 2017 pelo presidente Michel Temer (MDB), ao lado do então ministro da Educação Mendonça Filho (DEM), a reforma do ensino médio teve como uma de suas principais críticas o estabelecimento de itinerários formativos.

Veja mais

Back to top