Três em cada 10 são analfabetos funcionais no País

ISABELA PALHARES E JULIANA DIÓGENES - TERRA EDUCAÇÃO – 06/08/2018 – SÃO PAULO, SP

Os preços das ervas, temperos, cebolas e limões na barraca da feirante Onorina Quixobeira da Silva, de 62 anos, são redondinhos: R$ 1, R$ 2, R$3, e por aí vai. Nada de centavos. Quanto menos números, melhor. É contando nos dedos que sai o troco do freguês. Só assim ela consegue identificar o que está nas cédulas e fazer a venda correta. `Muitas vezes me atrapalho e tenho de começar a contar de novo`, conta ela.

Veja matéria completa

Back to top