O Sindicato das Entidades Mantenedoras de Estabelecimentos Particulares de Ensino Superior do Distrito Federal (SINDEPES/DF), o Sindicato dos Professores em Estabelecimentos Particulares de Ensino do Distrito Federal (SINPROEP), e o Sindicato dos Auxiliares de Administração Escolar em Estabelecimentos Particulares de Ensino no Distrito Federal (SAEP),  reuniram-se com objetivo de buscar soluções para enfrentamento da suspensão das atividades educacionais, por força do Decreto 40.520, de 14 de março de 2020, tendo criado o Comitê Permanente para monitoração do ensino superior no DF, a partir do qual foram lançadas as seguintes propostas para o período de suspensão: 

Em relação aos professores, foram definidas as seguintes alternativas:

 Suspensão das aulas com possibilidade de antecipação do recesso/férias escolares;

 Oferta de atividades remotas aos alunos por parte dos docentes;

 Oferta de ensino a distância no decorrer deste semestre letivo, como forma de complementar a carga horária.

 Em relação aos funcionários administrativos, foram definidos os seguintes pontos:

 Possibilidade de concessão de férias coletivas/setorizadas;

 Possibilidade de compensação da jornada não trabalhada mediante acúmulo de aplicação do banco de horas;

 Possibilidade de adoção de trabalho a distância/home office;

 Possibilidade de flexibilização da jornada do trabalho e/ou do horário de trabalho.

 

As entidades signatárias firmaram compromisso de submeter as propostas acima descritas às suas respectivas Assembleias.

                                  

 

Back to top